Eu Te Respiro

Descobri que é tão fácil ter felicidade!
Tenho felicidade com os poemas,
Com a natureza e suas lindas flores,
Com os Cupcakes
E com você meu cut-cut.

Descobri que nossas vidas
Sempre foram conectadas
Eu sempre respirei você
Para me sentir real.

Vê se me tira do castigo
E fique do meu lado
Cuidando de meu coração
Que é teimoso, e me diz
Que só você poderá dar sentido
Aos meus poemas desconectos.

Eu e você sempre estaremos conectados
Mesmo não estando fisicamente juntos.
Tudo que eu preciso é o ar que respiro,
Eu sempre respirei você
Para me sentir real.

Sou um artista da vida
É esse o meu oficio,
Mas abandono o livro ao meu lado
Somente para ler você
E desta leitura quero passar
Para um beijo que me faça sonhar
E ter a certeza de que nosso amor durará.

Descobri que é tão fácil ter felicidade!
A poesia dos seus olhos
Ensina-me a viver feliz,
E, no entanto, debruço-me na grade
Da banca e respiro penosamente
Lamentando sua ausência
Chorando sua saudade.

Descobri que nossas vidas
Sempre foram conectadas
Eu sempre respirei você
Para me sentir real.

Por: Silvon Alves Guimarães
http://www.silvonguimaraes.blogspot.com/




Comentários

  1. Hum como é bom ter um amigo poeta, consegue com suas palavras alegrar o dia, mesmo q as nuvens nao estejam tao claras e as flores nao estejam tao deslumbrantes .............

    ResponderExcluir
  2. Nao sou poeta assim como vc, mas tenho sonhos de menina, as vezes atitudes de adolescente e responsabilidade de mulher e melhor de tudo tenho um amigo e isso é o suficiente, pq quem tem um amigo de verdade tem um grande tesouro, talvez por isso vc me compare ao ouro...............bjos de uma grande amiga que aconteça o q acontecer jamais te esquecera.................

    ResponderExcluir
  3. Grata surpresa: você poeta...
    Encontrei beleza aqui.
    Abçs

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Valeu! Sua presença é Bem Vinda!

Postagens mais visitadas deste blog

Propostas de Exercícios do livro "O Cortiço".

ARANHA, Maria Lúcia de Arruda. Filosofia da Educação. São Paulo: Moderna, 1996. pp. 14-76. (Fichamento e Resenha)

VEIGA, Ilma Passos Alencastro. Projeto político-pedagógico da escola: uma construção possível. IN: Coleção Magistério: Formação e Trabalho Pedagógico. Campinas, SP: Papirus, 1995. (Fichamento e Resenha)