Da Cor do Seu Esmalte

Da Cor do Seu Esmalte

Como é que posso te dizer
Sem entre meios,
Sem rodeios,
Quero ser seu modelo,
Quero chamar sua atenção.

Quero estar da cor
Do esmalte que você escolher.
Quero estar no riacho
Que refletir o seu rosto.

Será que escutei
O que você não disse?
Eu não estava voando quando cai
Andando me distrai
Quero ficar debaixo de suas asas.

As cores do seu esmalte têm empatia,
Não há lugar no mundo
Que eu queira estar
Onde eu não veja o teu olhar
Onde eu não sinta o teu amor

Engano seu achar que fosse brincadeira
Andei fazendo planos pra você
Quero te adornar com as cores
Do esmalte usado por Maya,
Rosa Cetim e Rosa Chá.

Jogo-me pra te ganhar
Saio atrás do seu ouvido
Fico esperando o imprevisto.
Não me convença
A não fazer planos pra você.

O tempo é uma bobagem
Diante do amor de quem se ama,
Diante do esmalte de uma campina.
Esperei por tanto tempo,
Esse tempo agora acabou.

Qual a cor do seu esmalte?
Difícil me encontrar
Com seu carinho e atenção,
Difícil não te imaginar
Com celular branco e pingente estrela.

Quero estar da cor
Do esmalte que você escolher,
Quero ir sem medo de ganhar
O amor do seu amor,
Então me jogo pra te ganhar.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Propostas de Exercícios do livro "O Cortiço".

ARANHA, Maria Lúcia de Arruda. Filosofia da Educação. São Paulo: Moderna, 1996. pp. 14-76. (Fichamento e Resenha)

VEIGA, Ilma Passos Alencastro. Projeto político-pedagógico da escola: uma construção possível. IN: Coleção Magistério: Formação e Trabalho Pedagógico. Campinas, SP: Papirus, 1995. (Fichamento e Resenha)